CULINÁRIA

 

Glossário Amazônico

 

Açaí - Fruto do açaizeiro, palmeira que habita terrenos úmidos e dá ótimo palmito, o açaí é esférico, pequeno e tem um caroço duro, envolvido por polpa arroxeada. A partir dele, prepara-se um suco muito comum no Pará.

 

Jambu – Erva de largo uso no Pará, onde entra na composição de vários pratos típicos. Ao ser mastigada, provoca um leve tremor e dormência nos lábios e na língua. Talvez por isso seja apontada como afrodisíaco.

 

Macaxeira – também chamada macaxera, aipim e mandioca-doce, sua raiz não contém substância tóxica. Os tubérculos podem ser assados, cozidos ou fritos. O purê de macaxeira é de sabor inigualável.

 

Pirarucu – Considerado o “bacalhau brasileiro”, é um peixe de água doce que vive no Amazonas e seus afluentes. Sua pesca se dá principalmente em setembro e outubro. Chega a pesar até 100 Kg e sua carne é saborosíssima e de grande valor comercial.

 

Tapioca – É uma espécie de goma, substância pegajosa, branca, translúcida e insípida que tem propriedades colantes. Goma é a denominação dada ao amido que se obtém da mandioca.

 

Tucupi – Sumo de coloração amarela, extraído da raiz da mandioca, que, depois de ralada, é espremida no tipiti – prensa cilíndrica indígena. Deve ser bem cozido para perder a toxidez. É um caldo apreciadíssimo na cozinha paraense.

 

CULINÁRIA - Literaturas

 

Livro embala a cozinha Amazônica em arte

Culinária Amazônica – O Sabor da Natureza.         

Autor: Arthur Bosicio - 152 págs.

Editora: Senac

 

CULINÁRIA

 

Belém: Receitas (click aqui)